sábado, 18 de fevereiro de 2012

| REVIEW | Person of Interest - 1x15

:: 1.15 :: “Blue Code”

O novo cpf apontado pelo sistema causou um tanto de confusão em Reese e Finch. O número era de um cara lá que trabalha traficando coisas. Ok. Dessa vez ele tem de ficar de olho num bandido. Só que o cara não é bandido, mas sim um policial disfarçado com família e tudo. Ah, então ele é bonzinho. E tá metido numa enrascada porque, provavelmente será descoberto e é isso que John inicialmente tenta evitar.
Ah, e claro, pra ficar de olho no cara Reese se infiltra na gangue, e tem de participar de alguns crimes e tentar livrar a cara do policial quando ele é quase descoberto. Em troca, revelou seu plano e quase foi queimado no carro pra fingir que tinha sido morto. Carter apareceu por lá pra dar um help.
Enquanto John tava na rua, Fusco ajudava tentando entrar na sala de arquivos e destruar o do policial infiltrado já que alguém lá da gangue provavelmente ia dar uma passada por lá. Só que, depois de picotar o documento, acaba flagrado pelo guarda e preso. Sorte dele que o cara era justamente o que ia pegar o arquivo e levar pra gangue (os caras e a polícia são amiguinhos). Má sorte é que o homem não vai deixá-lo vivo, e Reese tem de salvar o policial infiltrado, então, quem salvará Fusco?


O policial infiltrado se revela na hora que o chefão da quadrilha aparece e rola tiro pra todos os lados. John e Carter chegam, e mesmo dizendo que o chefão é da CIA (que tá no negócio de drogas pra financiar guerra ao terror), o homem não fica com medo e agora, John ficará de olho pra evitar que algo ruim lhe aconteça. O ruim é que o cara preso logo foi solto, por aquele da CIA que tá atrás de Jonh. O careca se livrou dele, ainda bem, pois os planos do cara eram matar o infiltrado e "cuidar" da detetive. Pelo visto, o careca da CIA agora tem certeza de que ela tem atuado ao lado de John! Pre-ri-go!
Ah, quanto a Fusco, ele tava quase se lascando quando Reese apareceu sabe-se lá de onde. O detetive ficou aliviado, mas não gostou muito quando John avisou pra ele deixar a recente vida de policial bom pra trás e voltar pro lado ruim, entrando numa 'liga de policiais corruptos'. Fiquei com pena do Fusco, tava todo feliz porque tinha recebido condecoração e tudo mais, agora tem de voltar aos velhos hábitos.
No flashback do dia, lá em 2008, Reese voltou aos Estados Unidos depois de sei lá quanto tempo trabalhando sei lá em que, sabe-se lá onde. Inclusive, aquele careca da CIA tava junto com ele no tal trabalho! Enfim, de volta a América, Reese se encontrou "coincidentemente" com o marido daquela mulher que ele gostava. Só que a colega de equipe dele chegou e cortou seu barato. Segundo o cara da Cia, foi Jonh matou essa parceira dele. Eu ainda duvido dessa história, apesar de ser bem aparente o quanto ele tava meio estranho com toda a vida de matança.

Um comentário:

Jack disse...

muito boa a review ^^