terça-feira, 4 de agosto de 2009

| REVIEW | Bones :: 4x22

:: 4x22 :: "The Girl in the Mask"Enquanto Brennan tenta finalmente se decidir sobre qual estagiário ela contrataria (eu tbém estou na dúvida), um amigo de Booth, lá do Japão, entra em contato perguntando se ele não tem notícias de sua irmã. Booth acha que é só preocupação de irmão super protetor mas dá uma conferida e descobre que a garota e sua colega de quarto estão desaparecidas. Só o carro da colega é encontrado, mas quando Brennan explora o local acaba achando uma cabeça humana, com uma máscara japonesa no estilo Saylor Moon.
O amigo de Booth vai pros EUA e leva junto o (a) Dr. (a) Tanaka, tbém especialista em ossos e que pode ajudá-los. Essa minha dúvida quanto a apresentação foi a mesma de Cam, Hodgins e Angela durante todo o episódio. Eles ficaram super curiosos pra saber se Tanaka era homem ou mulher ou mulher que queria ser homem e vice versa. rsrs Enfim, conforme examinam algumas características vem a péssima notícia: é a irmã sumida do cara! Ele fica a postos pra acompanhar as investigações, mas chega uma hora que Booth tem de acalmá-lo e deixá-lo no laboratório.Quanto à investigação, descobre-se que a menina queria ficar no país pra ser modelo e fora demitida de uma lanchonete (que usava a tal máscara que tava na cabeça, mas que na real era da colega de quarto). O ex-chefe deixa o irmão irado ao dizer que tanto a sumida quanto a irmã dele trabalhavam de acompanhantes. O tal 'cafetão' dela só diz que conhece a sumida e fala de um cliente violento. Booth e Brennan falam com o cara que tá recebendo massagem nas costas de uma acompanhante, mas Bones demorou pra sacar e até deu dicas de massagear melhor! rsrs
O irmão da vítima comenta com Bones como ele e Booth se conheceram e diz que ela tem sorte por tê-lo. Ela fala de ter o Booth como companheiro de trabalho e ele repete, mas dando a impressão que até ele (!) percebeu que não era só por isso que ela tem sorte. Oh. A sumida é encontrada, e ela não fala nada porque tá com medo. Eles perceberam que a morte da outra foi uma forma de atingí-la e por isso, ela tentou fugir e agora tem medo. Sorte que descobriram o modelo da arma do crime, parecida com uma que o 'cafetão' tinha. Mas o cara é um nojentão e só confessa que cortou a cabeça, mas como a moça foi na verdade morta por afogamento, ele diz que quer um acordo pra dizer o culpado. Booth fala com o irmão da vítima e ele concorda. Acaba que a menina tinha ido falar com akele cliente
violento e ameaçou denunciá-lo se fizesse mal a amiga de novo, mas acabou morta e depois, o outro fez o resto.
Brennan ficou questionando (tanto pro irmão quanto pra Booth) se vale mesmo a pena amar alguém e depois ficar tão triste quando se perde a pessoa. Ela acha que não, mas Booth como sempre, tenta mostrar o outro lado, os bons momentos que vc passa com outra pessoa. Tão fofos. Ah, e claro, impacientes e duvidosos, Angela tomou coragem e foi ver se Tanaka era 'ele' ou 'ela'. Bem, com um abraço ela disse que era homem. Mas parecia mulher. Sei lá, esses japoneses adoram esse visual moderninho que até confunde! rs

Um comentário:

eduardo brandao disse...

oi gostaria de saber qual e a musica que toca quando a brenda descobre algo no osso da mossa no finalsinho da serie episodio 4x22 The Girl In The Mask